SAINT-TROPEZ

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 LinkedIn 0 0 Flares ×


O LUXO SEXY DE SAINT-TROPEZ:

“Saint- Tropez não é uma cidade. É uma lenda. Exuberante e artificial para uns, introvertida e confidencial para outros. Familiar, mas sexy. Compacta e moderna. Sem dúvida, tradicional. Sem nunca cair da moda, a antiga vila de pescadores que virou sinônimo do glamour e desejo graças a uma mulher _ Brigitte Bardot _ vira um íma de celebridades a cada estação. Saint-Tropez ainda é o paraíso dos jetsetters.” (Sandra Boccia)
Onde quer que você olhe, uma celebridade, mistura fina, gente bonita e iates que chegam de todas as partes do mundo.
Rod Stewart, sua mulher Rachel e filhos costumam passar as férias por lá, além de várias outras celebridades como: David Beckham (que adora jogar frescobol na praia), Elle McPherson (modelo australiana que vive fazendo topless), Giorgio Armani (estilista, que sempre chega no seu iate), Jack Nicholson (ator, dono do RIVA, um dos barcos mais caros do mundo), Bruce Willis (ator, que curte muito os restaurantes do local), Felipe Massa (pitolo de fórmula 1, que adora dançar), Beyoncé (cantora) e muitas outras estrelas de primeira grandeza.
Pouquíssimos lugares no mundo concentram tanta gente rica e famosa por metro quadrado. A pequena Saint-Tropez, na Riviera Francesa, é um deles. O Hotel da foto acima é o Byblos (Hotel de inspiração libanesa).
As butiques de Saint-Tropez só fecham depois da meia noite, por isso por lá não é preciso ter pressa. As baladas nos clubes de praia acontecem à tarde; à noite todos migram para as boates vip da cidade.
Hóspedes e funcionários dos hotéis se cumprimentam pelo primeiro nome e com dois beijinhos no rosto, mas também esses funcionários têm na sua maioria muitos anos de casa e a atmosfera de intimidade se faz presente.
Possantes helicópteros, surgidos do nada, colam na rabeira dos iates, que fogem a toda dos flashes. Muito dinheiro nunca é o bastante. Entrar no “grand monde” exige senha e códigos velados. “Quem não sabe os segredos da cidade não consegue fazer quase nada. Só mica”, confirma a designer Adrina Bittencourt.
Saint-Tropez, luxos dos luxos e mesmo festeira, a cidade não perde seu charme de interior.

(By Celina, by Marie Claire)

**Compartilhe com seus top amigos**

Comments

comments

Comments

  1. Responder

  2. By Rick

    Responder

  3. By Beto-kun

    Responder

  4. By Johnny M.

    Responder

  5. By Arthurius Maximus

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 LinkedIn 0 0 Flares ×